Seja uma editoraEscreva para o Cabelos Famosos

Tinha do couro cabeludo – O que é e como tratar

  • SumoMe

Tinha do couro cabeludo, afeta mais frequentemente crianças Tinha do couro cabeludo, afeta mais frequentemente crianças.

Acomete preferencialmente crianças pré-escolares e escolares, devido ao maior contato com fontes de infecção.

O que é Tinha do couro cabeludo?

 Tinha do couro cabeludo apresenta infecção da pele e pêlos do couro cabeludo. Causado por dermatófitos dos gêneros Microsporum e Trychophyton. É uma micose superficial de classificação universal, com predileção por regiões tropicais e subtropicais, estabelecendo um problema de saúde pública em alguns países. Causada por um fungo e transmite-se pelo contato com alguém infectado. Partilhar toalhas, escova e pentes de cabelo, chapéus, travesseiros ou almofadas podem contribuir para a propagação da doença.  O risco de transmissão para outras pessoas sempre existe. A complicação mais frequente é a infecção bacteriana secundária, que por vezes obriga o uso de antibióticos.

Como identificar e qual o tratamento

Pelo exame direto com uma lâmpada apropriada (lâmpada de Wood) ou pelo exame microscópico de raízes dos cabelos ou de escamas das lesões, é possível identificar imediatamente o fungo. A cultura para fungos permite o diagnóstico em dez a 14 dias. O tratamento baseia-se no uso de um antifúngico por via oral, durante pelo menos seis semanas, ou dependendo prolonga-se por meses.

Porém, varia nas diversas regiões do mundo e dentro de um mesmo país, devido a fatores como clima, condições de higiene da população, urbanização, sistema imunológico do hospedeiro, características fúngicas e ações terapêuticas. Esta contaminação normalmente acontece em lugares em que a população apresenta baixas condições sócias econômicas, e frequentemente têm contato com cães soltos pela rua. Em alguns foram diagnosticadas a glabela, diagnosticadas como Tinha do corpo.

Afeta mais frequentemente crianças abaixo de 10 anos de idade, faixa pré-escolar e escolar e raramente mulheres pós-menopausa e imune comprometidos. Algumas pesquisas apontam a preferência Tinha do couro cabeludo pelo sexo masculino.

Importante também é lembrar que as dermatofitoses, especialmente no que se refere a Tinhas do couro cabeludo, não são doenças de notificação obrigatória, prejudicando o controle e intervenção nos fatores de risco.

Higiene do couro cabeludo neste caso

Evite coçar o couro cabeludo. É importante examinar os objetos que possam ter sido portadores assintomáticos. O uso de shampoo apropriado é recomendado pelo dermatologista nestas situações. Os animais domésticos também devem ser examinados, pois se estiverem infectados, recorra ao veterinário para que sejam tratados.

 

Escreve seu comentário usando o Facebook

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *