Seja uma editoraEscreva para o Cabelos Famosos

Seborreia – o que é e como tratar

Seborreia - como tratar Seborreia – como tratar.

É uma inflamação crônica da pele que aparece em pessoas geneticamente predispostas. As erupções cutâneas características da doença acontecem predominantemente nas áreas de maior produção de oleosidade pelas glândulas sebáceas.

A maior produção das glândulas sebáceas ocorre sob a ação dos hormônios androgênicos, por isso, o início dos sintomas ocorre geralmente após a puberdade.  Recém- nascidos também podem ocorrer manifestações da doença, devido ao androgênio materno ainda presente.

Dermatite seborreica

Mais conhecida como seborreia, caspa ou eczema, é uma afecção crônica que se manifesta em algumas partes do corpo onde a produção de óleo pelas glândulas sebáceas ou a presença de um fungo, o Pityrosporum ovale é maior. A manifestação se dá sob a forma de lesões avermelhadas que descamam e coçam principalmente no couro cabeludo, sobrancelhas, barba, perto do nariz, atrás e dentro das orelhas, no peito, nas costas e nas dobras de pele (axilas, virilhas e debaixo dos seios). Nos bebês, é conhecida como crosta láctea, e algumas pessoas chama de “êrmo”, uma placa gordurosa que adere ao couro cabeludo, mas que pode também aparecer na região das fraldas.

Seborreia – causa

Ainda não se sabe a causa da dermatite seborreica. Mas fique tranquilo, pois não é contagiosa. Sabe-se que alguns fatores contribuem como alterações hormonais, estresse, clima seco, frio e mudanças bruscas de temperatura agravam o quadro. Normalmente costuma parecer durante o inverno.

Sintomas e tratamento

Lesões avermelhadas com descamação e coceira que pode ser mais ou menos intensa. No couro cabeludo, essa descamação pode soltar-se e cair em pequenos fragmentos, dando origem ao que popularmente se chama de caspa.  Não existe tratamento para a cura definitiva da dermatite seborreica, mas existem medicamentos específicos para a pele e o couro cabeludo capazes de controlar os sintomas. Uma dica é deixar seus cabelos sempre limpos, mantendo o couro cabeludo bem lavado. É importante não esfregar o couro cabeludo com as unhas, pois pode machucar e ainda provocar escamações e ardência.

O melhor acompanhamento que você pode ter é de um dermatologista, que vai analisar seu couro cabeludo e outras partes do corpo afetadas para diagnosticar se realmente se trata de uma dermatite seborreica. Assim, lhe indicará corretamente o tratamento a ser feito com shampoos ou soluções especiais para amenizar ou estacionar a situação.

Dicas na hora de tratar a caspa ou a seborreia

A caspa não é necessariamente um sinal de falta de asseio nem prenúncio de queda de cabelos e que pode ser controlada com alguns produtos específicos para uso local, também indicado somente por um dermatologista. Uma dica importante é não usar qualquer produto que você ache que vai ajudar, ou indicado por vizinho ou amigos. Pode correr o risco e agravar o problema.

É interessante evitar comidas gordurosas, bebida alcóolica, banhos muito quentes, enxugar-se bem para não permitir que a umidade dê abertura ás lesões. Quem tem evidência de dermatite os tecidos sintéticos não são aconselháveis, pois estes retém o suor. O estresse físico e mental são fatores difíceis de serem trabalhados, mas deve se esforçar ao máximo para evita-los. Lave bem os cabelos e retire muito bem o excesso de shampoo e cremes.

Nos bebês procure o pediatra ou dermatologista e eles lhe indicarão um óleo apropriado para remover estas crostas. Troca das fraldas com frequência e uma boa higiene deve ser feito, pois o contato úmido da fralda com a pele da criança pode favorecer o aparecimento de erupções cutâneas.

 

Escreve seu comentário usando o Facebook

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *